Notícias

Últimas nóticias

Mulheres na aviação, sonho realizado.

A história de cada mulher que entrou no mercado aeronáutico é cheia de emoções e particularidades...

O mercado aeronáutico tem ampliado o número de mulheres que seguem voando em busca da sua tão esperada licença para voar Brasil a fora, carreira essa que tem chamado cada vez mais a atenção de mulheres destemidas e corajosas, afinal é um longo percurso a recorrer, investimentos contínuos e muita força de vontade para lidar com as críticas de que esse trabalho foi feito para homens.

Este trabalho foi feito para todos aqueles que buscam sinceramente ter asas para voar, não somente para homens ou mulheres, mas que a cada dia elas tem entrado neste mercado competitivo é verdade, apesar de ambos passarem pelos mesmos processos e cursos para conseguirem pilotar um avião comercial, elas tem se mostrado dedicadas a fazer de seu sonho uma realidade.

A história de cada mulher que entrou no mercado aeronáutico é cheia de emoções e particularidades, que nunca serão realmente compreendidas por quem não entende a emoção de sair do chão e voar em cima das nuvens, essa atitude eleva outras mulheres a correrem atrás do seu sonho.

Atualmente estimasse que apenas 3% dos pilotos são mulheres, esta porcentagem está incluída as categorias de piloto privado, comercial e de linhas áreas.

Inspire-se em mulheres que realizaram seu grande sonho na aviação.

 

  • Amelia Earhart: foi uma grande mulher, a primeira na aviação dos Estados Unidos e a voar sozinha o oceano atlântico.

 

  • Bessie Coleman: a primeira mulher afro americana a se tornar piloto nos Estados Unidos, em tempos conturbados de segregação racial, sendo rejeitada em diversas escolas seu sonho se realizou na França quando tirou sua carteira de piloto internacional.

 

  • Elisa Léontine Deroche: a primeira mulher a realizar um voo solo em 1910.

 

  • Thereza Di Marzo: primeira brasileira a conseguir sua licença de piloto no país.

 

  • Anésia Pinheiro Machado: segunda mulher a se tornar piloto no Brasil, mas a primeira a realizar viagens com passageiros e voo internacional.

 

  • Valentina Tereshkova: se tornou a primeira mulher a voar para o espaço, sendo transformada em heroína após sua missão de sucesso, até hoje este título nunca lhe foi retirado.

 

  • Carla Borges: uma das mulheres que conquistaram seu sonho recentemente, ela se tornou a primeira mulher a pilotar um caça, seu maior reconhecimento foi quando teve a oportunidade de pilotar um avião presidencial em 2016, na gestão de Michel Temer.
Back to top